Política

PSB abrirá mão de candidatos nos Estados e cresce rumores de desistência de Azevedo

13 de junho de 2018

O PSB já decidiu como vai repartir o fundo eleitoral nas eleições deste ano, mas, para que as contas fechem, vai precisar abrir mão de algumas candidaturas. Segundo a Coluna Painel, da Folha de São Paulo, o partido pretende ter apenas oito postulantes a governos estaduais; por enquanto, tem 11.

Em relação à divisão dos R$ 118,7 milhões do Fundo, 55% (R$ 45,7 milhões) serão gastos com candidaturas proporcionais e 45% (R$ 37,4 milhões) nas eleições majoritárias.

Com a informação a orientação nacional de apostar apenas em candidaturas viáveis, cresce as especulações em torno da desistência da candidatura de João Azevedo (PSB), por suposta falta de densidade eleitoral do socialista.

A retirada do nome de João da disputa já seria tratada abertamente pela cúpula do PSB na Paraíba.